PEQUENAS GRANDES VANTAGENS

CComo qualquer outra rotina que nos melhora o estado de saúde, ainda para mais em tempos de COVID-19, os benefícios de ter plantas em casa transcendem qualquer moda ou estilo de decoração. Tanto a nível físico quanto psicológico, são cada vez mais as evidências dos benefícios de uma interação, consciente ou inconsciente com estes seres vivos. Produtoras de matéria orgânica que nutre a maioria dos seres vivos da Terra, as plantas atuam na base das cadeias alimentares, contribuindo para a manutenção da vida.

Respiração

As plantas melhoram a nossa respiração. Durante a fotossíntese, as plantas absorvem dióxido de carbono e libertam oxigénio e nós, por sua vez, como inspiramos oxigénio e libertamos dióxido de carbono tornamo-nos parceiros na sobrevivência. As plantas ajudam a aumentar os nossos níveis de oxigénio e, se escolhermos as plantas certas para termos em casa, até poderemos conseguir oxigénio de dia e de noite. Apesar de a maioria das plantas interromper a fotossíntese durante a noite, absorvendo oxigénio e libertando dióxidovde carbono nesse período, um determinado conjunto de plantas, entre as quais asvorquídeas, alguns cactos e suculentas, e a maioria das plantas aéreas, continuam avabsorver dióxido de carbono e a libertar oxigénio. Se tivermos este tipo de plantas no quartovgarantimos um fluxo contínuo de oxigénio durante a noite, que o nosso corpo agradece.



Transpiração

Outra vantagem de termos plantas em casa tem a ver com a humidade gerada pela sua própria transpiração. Na natureza, as plantas absorvem água pelas raízes e libertam-na pelas folhas, segundo um processo designado transpiração, gerando cerca de 10% da humidade da atmosfera. Em nossas casas, o processo mantém-se, aumentando a humidade do ambiente, o que permite manter a nossa pele hidratada de forma natural e a nossa garganta menos irritada e menos vulnerável a dores de garganta ou tosse seca.

Purificação

Tanto as folhas quanto as raízes das plantas são fundamentais na remoção de vapores tóxicos para o organismo em ambientes fechados. Baixos níveis de monóxido de carbono e de formaldeído podem ser removidos apenas pelas folhas das plantas. O famoso aloé vera, para cozinhas cheias de sol, a resiliente planta aranha, fácil de manter e de replantar, a espada-de-são-jorge, que prescinde luz direta e adora solos húmidos, ou ainda a hera- do-diabo, que dispensa muitas atenções para sobreviver, são ótimas opções para decorar a sua casa, enquanto limpam e purificam o ar do “lar, doce lar”.

Concentração

As plantas também têm uma influência interessante no nosso corpo a nível psicológico. Cuidar de plantas acalma a mente e melhora a capacidade de recuperação do corpo, com menos ansiedade e menos dor. Inúmeros estudos também evidenciam uma clara melhoria da concentração e da criatividade daqueles que trabalham rodeados de plantas. Mudar e nutrir a terra, limpar as folhas, regar, borrifar são atividades simples e saudáveis que mudam o cenário e a rotina do dia-a-dia, com a vantagem de, por mais pequena que seja, elevar a decoração de qualquer divisão da casa, a um preço acessível.


instagram
Ver esta publicação no Instagram

Uma publicação partilhada por Ron Finley (@ronfinleyhq) a